Éder Militão revela detalhes sobre treta com Karoline Lima

O jogador resolveu quebrar o silêncio sobre a treta que viveu com a ex, a influenciadora Karoline Lima.

Avalie a matéria:
Éder Militão e Karoline Lima | Reprodução/ Instagram

Éder Militão revelou detalhes da treta que vem enfrentando com a ex, Karoline Lima. Recentemente ele entrou com um processo judicial para garantir que sua filha, Cecília, de 2 anos, possa viajar para visitá-lo na Espanha e assistir à final da Champions League, marcada para o dia 1º de junho.

detalhes do que está acontecendo

Em uma entrevista exclusiva à coluna de Lucas Pasin do Splash, Militão, que também está envolvido em uma disputa judicial com Karoline para que ela não se mude de São Paulo para o Rio com a filha deles, expressou seu cansaço em relação às mentiras que têm circulado sobre o conflito familiar. Ele afirma categoricamente que a disputa não foi motivada por ciúmes em relação à sua ex-parceira.

"Estão falando muitas mentiras por aí. Que eu entrei com o processo por ciúmes ou por qualquer outra coisa. Isso não é verdade. Eu só quero poder estar com a minha filha e ter a certeza que ela esteja sendo bem cuidada. É só a Cecilia que importa pra mim", afirma Éder Militão. 

O jogador continua contestando as decisões de Karoline:

 "Agora, ela diz que não vai deixar a Cecilia viajar sem uma babá que ela escolher, mas, foi ela que demitiu a babá antiga, que ela mesma tinha escolhido e cuidava da minha filha desde muito pequena. Já tentei conversar sobre várias alternativas e ela dificulta tudo. Não quer deixar nem os meus pais buscarem ela. Cecilia ama os avós. Qual pai aguentaria ficar tanto tempo longe da filha? Não posso esperar o tempo da Karoline de encontrar outra babá pra poder estar com a minha filha".

militão afirma que quer resolver esses impasses

Éder Militão falou que nunca quis de expor a intimidade familiar,  nem muito menos a briga judicial com Karoline.

"Tudo o que eu mais quero é resolver. Nunca quis entrar com processo, sempre tentei falar, conversar, mas não adiantou. Ela não cumpre o que é combinado e muda tudo da cabeça dela" afirmou Éder sobre Karoline.

O atleta continua: "Até a advogada dela tinha falado que, quando fosse importante pra Cecilia estar comigo aqui em Madrid, que era só avisar que a gente poderia buscar ela. Vou jogar uma final de Champions League com o Real Madrid, o torneio mais importante do mundo, e ela não quer deixar a minha filha vir."

Militão se pergunta: "Por que impedir que ela viva esse momento histórico com o pai? Construir uma memória que nunca vai se apagar. E é sempre assim. Aniversários, datas importantes pra minha família... Sempre é difícil".

Leia Mais
Veja Também
Tópicos
SEÇÕES