Este é o sintoma inicial do câncer de bexiga que você não deve ignorar

Embora identificar esse tipo de câncer não seja simples, é fundamental estar alerta aos sinais e procurar ajuda médica

Avalie a matéria:
Câncer de bexiga | Reprodução/ Foto:Google

É crucial estar atento aos sintomas do câncer de bexiga, já que sua detecção precoce aumenta significativamente as chances de um tratamento bem-sucedido. Embora identificar esse tipo de câncer não seja simples, é fundamental estar alerta aos sinais e procurar ajuda médica. Um desses sinais não deve ser negligenciado.

SINTOMA INICIAL

“Os sintomas do câncer de bexiga podem variar, mas o sintoma inicial mais comum é a presença de sangue na urina”, explica a médica de medicina interna, Shoshana Ungetleider, à revista Parade. Este é um sinal evidente. Contudo, há situações em que apenas uma avaliação laboratorial pode detectá-lo.

ORIENTAÇÃO MÉDICA

Segundo a médica, a detecção de sangue na urina pode ser feita observando cores que variam de vermelho brilhante a tonalidades mais escuras. Embora o histórico familiar e a genética possam desempenhar um papel importante, a maioria das pessoas com câncer de bexiga não possui histórico familiar da doença”, conta. Diante dessa situação, é essencial buscar a orientação de um médico imediatamente ao identificar esse sintoma.

COMO IDENTIFICAR

Sintomas adicionais que podem sinalizar um possível câncer de bexiga incluem aumento na frequência urinária, dor ao urinar, urgência para urinar, dor na região pélvica e perda inexplicada de peso. Ao identificar algum desses sintomas, é crucial procurar um médico rapidamente para uma avaliação apropriada.

FICAR ATENTO

Os fatores de risco para o câncer de bexiga incluem histórico de infecções urinárias crônicas, tabagismo, exposição a substâncias químicas tóxicas como arsênio e produtos de tintura para cabelo, idade avançada e ser do sexo masculino. Portanto, indivíduos que pertencem a esses grupos devem estar atentos aos sintomas mencionados.

TRATAMENTO DE FORMA EFICAZ

O diagnóstico precoce é essencial para um tratamento eficaz, pois está diretamente relacionado à remissão da doença. As opções de tratamento para o câncer de bexiga podem envolver radioterapia, quimioterapia, imunoterapia e cirurgia, sendo a abordagem escolhida baseada no estágio do câncer e nas características específicas do paciente.

Leia Mais
Veja Também
Tópicos
SEÇÕES