Concursos autorizados pelo governo Lula já somam quase 10 mil vagas

Desde o início do ano, o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) já concedeu autorização para um total de 9.637 vagas

Avalie a matéria:
Concursos autorizados pelo governo Lula já somam quase 10 mil vagas | Agência Brasil

Neste ano, o governo Lula deu a autorização para a abertura de concursos públicos e processos seletivos destinados ao preenchimento de aproximadamente 10 mil vagas em ministérios e órgãos federais. Contudo, as datas específicas desses concursos estão sujeitas à publicação dos respectivos editais.

Desde o início do ano, o Ministério da Gestão e da Inovação em Serviços Públicos (MGI) já concedeu autorização para um total de 9.637 vagas, contemplando tanto o provimento de cargos existentes quanto a realização de novos concursos. Essas oportunidades abrangem um conjunto de 7 órgãos. 

O Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) destaca-se como o órgão com a maior quantidade de vagas disponíveis. Serão oferecidos um total de 8.141 empregos de contratação temporária, abrangendo cargos como agente de pesquisa por telefone e supervisor de pesquisa. O prazo estabelecido para o IBGE publicar o edital de abertura das inscrições é até o mês de novembro. 

A maioria dos concursos deverá ser lançada dentro de um prazo de até seis meses após a autorização, sendo que apenas os processos seletivos da Agência Nacional de Mineração (ANM) e da Advocacia-Geral da União (AGU) já foram iniciados. Cabe a cada órgão que recebeu a autorização a responsabilidade pela publicação do edital e realização do concurso. 

As novas vagas incluem ministérios, sendo que as pastas de Ciência, Tecnologia e Inovação, Meio Ambiente e Mudança do Clima, juntamente com Relações Exteriores, terão aproximadamente 1.000 vagas disponíveis a partir do segundo semestre.  Nem todos os concursos exigirão diploma de ensino superior. O IBGE e a Funai contratarão pessoas com nível intermediário de escolaridade.

Veja a lista de órgãos que vão contratar

Agência Nacional de Mineração

Cargo: Especialista em recursos minerais.

Escolaridade: Nível superior

Vagas: 40 Data do provimento: fevereiro de 2023

Ministério das Relações Exteriores

Cargo: Terceiro secretário. Veja portaria

Escolaridade: Nível superior 

Vagas: 30 Data do provimento: A partir de julho de 2023

Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação

Cargos: Analista em ciência e tecnologia, pesquisador e tecnologista. Veja portaria

Escolaridade: Nível superior 

Vagas: 814 Data do provimento: A partir de novembro de 2023

Ministério do Meio Ambiente e Mudança do Clima

Cargo: Analista ambiental. Veja portaria

Escolaridade: Nível Superior 

Vagas: 98 Data do provimento: A partir de novembro de 2023

Funai 

Cargos: agente em indigenismo; administrador, antropólogo, arquiteto; arquivista, assistente social; bibliotecário; contador; economista; engenheiro; engenheiro agrônomo; engenheiro florestal; estatístico; geógrafo; indigenista especializado; psicólogo; sociólogo; técnico em assuntos educacionais; e técnico em comunicação social. Veja a portaria

Escolaridade: Nível intermediário e superior 

Vagas: 502 Data do provimento: A partir de novembro de 2023

Advocacia-Geral da União 

Cargos: Administrador, arquivista; analista técnico-administrativo; contador; técnico em assuntos educacionais; e técnico em comunicação social. Veja a portaria 

Escolaridade: Nível superior 

Vagas: 12 Data do provimento: maio de 2023

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística 

Cargos: Agente censitário mapeamento (ACMAP); agente de pesquisas e mapeamento (APM); agente de pesquisa por telefone; codificador e supervisor de pesquisa. Veja portaria 

Escolaridade: Nível intermediário e superior 

Vagas: 8.141 Data do provimento: A partir de outubro de 2023

(Com informações do UOL)



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES