Governo disponibiliza vacina para 100% dos trabalhadores da educação no PI

Também foram contempladas nesta remessa 100% dos grupos de pessoas privadas de liberdade.

Avalie a matéria:
vacina | Sesapi

A Secretaria de Saúde do Piauí anunciou o envio de vacinas para imunização de 100% do público de trabalhadores da educação do Piauí. Os imunizantes foram repassados, nesta sexta-feira (04), aos 224 municípios. 

Serão vacinados tanto os trabalhadores do ensino básico como superior. Também foram contempladas nesta remessa 100% dos grupos de pessoas privadas de liberdade, funcionários do sistema prisional e pessoas em situação de rua. Com essa medida a secretaria inicia o planejamento da vacinação da população de 18 a 59 anos não contemplada nos demais grupos prioritários. 

Sesapi anuncia doses suficientes para imunizar 100% dos trabalhadores da educação - Foto: Divulgação

“Esta decisão faz parte de uma resolução da Comissão Intergestora Tripartite, a nível nacional, que reorganiza o Plano Nacional de Imunização. Com essa medida o Piauí está se preparando para abertura do grupo da população geral de 18 a 59 anos, a depender da disponibilidade de vacinas por parte do Ministério da Saúde”, destaca o superintendente de Atenção Primária a Saúde e Municípios, Herlon Guimarães. 

Todas as vacinas enviadas, nesta sexta-feira (04), são para a primeira dose. A Secretaria de Estado da Saúde realiza a entrega dos imunizantes da Pfizer, que foram destinados a 7,1% de pessoas com comorbidades, 7,1% de gestantes e puérperas com comorbidades e 7,1% de pessoas com deficiência permanente. Já as doses da vacina CoronaVac/Butantan foram repassadas aos municípios para a vacinação, em primeira dose, de 30% do grupo de gestantes e puérperas com comorbidades. 

Por outro lado, as doses da AstraZenecas/FioCruz contemplarão 90% dos trabalhadores da educação do ensino básico, 100% do grupo de trabalhadores da educação do ensino superior, 100% da população privada de liberdade, 100% dos funcionários do sistema de privação de liberdade, 100%  das pessoas em situação de rua, 16,7% do grupo de comorbidades e 16,7% do público de pessoas com deficiências permanente.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES