Chuva deixa mais de 500 famílias desabrigadas e cidades em emergência na BA

Pelo menos 29 municípios decretaram situação de emergência e outras três, de calamidade.

Avalie a matéria:
Chuva deixa mais de 500 famílias desabrigadas e cidades em emergência na BA | Reprodução

Mais de 500 famílias estão desabrigadas na cidade de Jucuruçu, no extremo sul da Bahia, nesta sexta-feira (10). Vários distritos foram completamente inundados e o prefeito Arivaldo Costa está ilhado. Todas as pontes que ligam a cidade a outros municípios caíram. As informações são do g1.

A média total, estimada pela prefeitura e informada pela Defesa Civil do Estado da Bahia (Sudec), é de mais de duas mil pessoas desabrigadas, o que corresponde a cerca de 25% da população da cidade, que tem 8.856 habitantes, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). Pelo menos 29 municípios decretaram situação de emergência e outras três, de calamidade.

Cidade de Jucuruçu é tomada por lama, após fortes chuvas na Bahia — Foto: Divulgação/Prefeitura de Jucuruçu 

A Secretaria Municipal de Assistência Social informou que o levantamento exato do número de desabrigados ainda está em andamento, porque a maioria dos distritos estão sem energia e, consequentemente, comunicação. 

Além disso, segue chovendo forte em Jucuruçu nesta sexta. De acordo com o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), a cidade está em uma área com o aviso meteorológico de perigo. Esse aviso prevê volumes de chuva entre 50 e 100 mm, além de ventos intensos de 60 a 100 km/h.

Na quinta-feira (9), a gestão decretou estado de calamidade pública, por causa dos danos das chuvas. Toda a cidade está com o fornecimento de água potável suspenso. Os moradores estão usando água da chuva para tomar banho.

Por causa dessa situação, a prefeitura disponibilizou vários contatos de telefone, para que as famílias afetadas pela chuva se cadastrem e sejam abrigadas. Ainda na quinta-feira, antes das pontes desabarem, a cidade conseguiu buscar donativos em Itanhém – município vizinho.

A Secretaria de Assistência Social tenta abrir uma conta social para receber doações financeiras, mas ainda não conseguiu porque o secretário responsável pela ação também está ilhado e sem comunicação.

A chuva também causou enchente no município, porque o volume dos rios Gado Bravo e Jucuruçu subiram rapidamente e eles transbordaram. Também na quinta-feira, e os moradores tiveram que ser resgatados com a ajuda de um colchão inflável.

Em entrevista ao Bahia Meio Dia, da TV Bahia, nesta sexta-feira (10), o governador Rui Costa falou sobre o temporal que atinge o estado, principalmente as regiões do sul e extremo sul. Rui alertou para que as famílias deixem as residências que estão em risco. 

"Nós recomendamos que as pessoas saiam de suas casas. Lá no extremo sul tem uma barragem e que em função do volume que a água chegou...Chegará hoje à noite, em várias cidades, um volume ainda maior de água e nós reiteramos aqui com os prefeitos que façam alerta para que essas pessoas saiam de suas casas", alertou. 



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES