Cinegrafista Bob Júnior morre vítima da Covid-19 em Teresina

Muito querido pelo jornalismo piauiense, Bob Júnior trabalhou durante décadas no Grupo Meio Norte de Comunicação, sempre com muita alegria e humildade.

Avalie a matéria:
Bob Júnior | Reprodução

Conhecido como cinegrafista das estrelas, Mário Marques Nunes Júnior ou como gostava de ser chamado, Bob Júnior morreu na noite de sexta-feira (25/07), vítima de complicações causadas pelo novo coronavírus. 

Bob Júnior estava internado na Unidade de Terapia Intensiva - UTI do Hospital São Marcos para tratamento da Covid-19, mas devido uma comorbidade, era hipertenso, seu quadro de saúde de agravou rapidamente evoluíndo para uma trombose, uma parada cardíaca prolongada e não resistiu. 

Muito querido pelo jornalismo piauiense, Bob Júnior trabalhou durante décadas no Grupo Meio Norte de Comunicação, sempre com muita alegria e humildade.

Em nota o Grupo Meio Norte lamentou a morte do cinegrafista e homenageou o profissional que fez parte da empresa por mais de 30 anos. "Bob Júnior trabalhou por mais de 30 anos conosco. Sempre entusiasmado com o trabalho, fez parte de grandes projetos na casa. Fazia amizade com todos e conseguia sempre o melhor ângulo para sua câmera. Era o fã número 1 de Bell Marques e todos o conhecia por sua famosa bandana.  O jornalismo piauiense e o Grupo Meio Norte de Comunicação sentirão muita falta de você, Bob." 

Confira a nota na íntegra

NOTA DE PESAR

Com muita tristeza em nossos corações recebemos esta trágica notícia.

Conhecido como cinegrafista das estrelas, Mário Marques Nunes Júnior ou como gostava de ser chamado, Bob Júnior morreu na noite de sexta-feira (25/07), vítima de complicações causadas pelo novo coronavírus.

Bob Júnior estava internado na Unidade de Terapia Intensiva - UTI do Hospital São Marcos para tratamento da Covid-19, mas devido uma comorbidade, era hipertenso, seu quadro de saúde de agravou rapidamente evoluíndo para uma trombose, uma parada cardíaca prolongada e não resistiu.

Bob Júnior trabalhou por mais de 30 anos conosco. Sempre entusiasmado com o trabalho, fez parte de grandes projetos na casa. Fazia amizade com todos e conseguia sempre o melhor ângulo para sua câmera. Era o fã número 1 de Bell Marques e todos o conhecia por sua famosa bandana.

O jornalismo piauiense e o Grupo Meio Norte de Comunicação sentirão muita falta de você, Bob. Os nossos sinceros sentimentos à família e a todos os amigos. ⚫

Nas redes sociais, apresentadores, jornalistas, autoridades lamentaram a morte de Bob e prestaram homenagens. 

"Assim eram as nossas aventuras. Ele sempre transformava o trabalho em diversão. Isso fazia com que tudo a nossa volta fosse mais leve e as imagens saíssem da melhor forma possível. Nosso amigo Bob trabalhou com a gente durante muito tempo no Grupo MeioNorte, como cinegrafista. E, ontem, nós o perdemos para a Covid-19.  Estamos consternados com a sua partida. Que você esteja arrancando sorrisos de Deus com a sua alegria aí no céu, meu amigo. Sentiremos sua falta. Que possamos fazer uma oração pela família do Bob e por todas as pessoas que perderam suas vidas e seus entes queridos para essa doença." escreveu o apresentador Ieldyson Vasconcelos.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES