Criança de dois anos morre após ser picado por cascavel durante acampamento

A vítima deu entrada na unidade de saúde por volta das 19h e recebeu atendimento de um médico

Avalie a matéria:
Menino de dois anos morre após ser picado por cascavel | Reprodução

Um menino de apenas dois anos, identificado como Gael Henry Jesus Ribeiro, faleceu após ser picado por uma cascavel (Caudisona durissa) na noite deste sábado (18) em Panorama (SP). A família da criança estava acampada na região do Córrego dos Macacos, em um local conhecido como Angico, na zona rural da cidade, onde foram pescar.

Em determinado momento, o menino se deslocou para outro ponto junto a um dos irmãos, que estava indo urinar, quando foi atacado na panturrilha pela cobra, conforme relato da Polícia Civil. Imediatamente, o pai matou a serpente e a levou, juntamente com a criança, para o Pronto Atendimento Municipal (PAM), para que os profissionais identificassem a espécie e administrassem o soro anticrotálico. Contudo, ao notar um guizo na ponta do rabo do animal, presumiu tratar-se de uma cascavel.

A vítima deu entrada na unidade de saúde por volta das 19h e recebeu atendimento de um médico, que ministrou soro para hidratação e antibióticos à criança, além de submetê-la a exames, de acordo com a Polícia Civil. No entanto, somente na manhã seguinte (domingo, 19), por volta das 7h40, o soro anticrotálico foi aplicado em Gael, aproximadamente 12 horas após o incidente.

Leia Mais

Posteriormente, ele foi transferido para o Hospital Regional (HR) em Presidente Prudente (SP), onde deu entrada às 11h58. No entanto, devido ao estado "bastante debilitado", não resistiu e faleceu às 13h02, conforme informações da polícia. O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para a realização do exame necroscópico.

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES