Desenrola começou: quais bancos estão participando? Veja lista e condições

Programa começa “limpando o nome” de quem tem dívidas até R$ 100 e renegociando débitos dos com renda mensal de até R$ 20 mil

Avalie a matéria:
Desenrola começou: quais bancos estão participando? Veja lista e condições | Reprodução

O programa federal de renegociação de dívidas, conhecido como Desenrola, foi iniciado na segunda-feira (17). Instituições financeiras como Banco do Brasil, Bradesco, Caixa Econômica Federal, Itaú, Santander, Inter, PicPay e Mercado Pago confirmaram sua participação no programa a partir dessa data. Com informações do InfoMoney.

Na fase inicial do programa, os bancos darão início ao processo de regularização do status financeiro de 1,5 milhão de consumidores que estão negativados e possuem dívidas de até R$ 100. Além disso, serão oferecidas opções de renegociação de dívidas bancárias para indivíduos que possuem uma renda mensal de até R$ 20 mil, enquadrando-se na categoria denominada Faixa 2 do programa. Nessa categoria, não há limite estabelecido para o valor das dívidas. 

Conforme o Ministério da Fazenda, estima-se que, inicialmente, o programa possa renegociar até R$ 50 bilhões, abrangendo aproximadamente 30 milhões de cidadãos brasileiros. O potencial do programa é alcançar até 70 milhões de pessoas inadimplentes, o que equivale a cerca de 40% da população adulta do país. 

Na fase inicial do programa, não haverá a utilização de recursos do Tesouro Nacional, ou seja, não serão empregados fundos públicos. Esses recursos serão direcionados para a segunda etapa da iniciativa, prevista para iniciar em setembro, com o intuito de atender especificamente a população de baixa renda (Faixa 1). 

Banco do Brasil

O banco confirmou participação para pessoas que se enquadrem na Faixa 2 do Desenrola e vai disponibilizar “ofertas diferenciadas”, trazendo melhores condições de renegociação para seus clientes.

Para fazer renegociações, os clientes poderão utilizar:

  • o App BB;
  • o Internet Banking nos endereços www.bb.com.br/renegocie (pessoas físicas) ou www.bb.com.br/renegociepj (pessoas jurídicas);
  • a Central de Relacionamento pelos números: 4004 0001 (Capitais) e 0800-729-0001 (demais regiões);
  • o WhatsApp enviando uma #renegocie para o número (61) 4004 0001; e
  • toda a rede de agências.

O banco informou que o prazo para baixa da negativação de até R$ 100 pelos bancos participantes é 28 de julho. “Durante a semana do dia 17 a 21 de julho, o Banco do Brasil procederá com a baixa das negativações.” 

Bradesco

Na sexta-feira (14), o Bradesco anunciou que a partir de segunda-feira (17) disponibilizará todos os seus canais de atendimento e relacionamento, tanto digitais como físicos, aos clientes interessados em aderir ao programa Desenrola.

“O programa é tempestivo e oportuno, pois impacta diretamente uma enorme massa de pessoas que perderam condições de consumo pelo endividamento e dificuldades de honrar essas dívidas”, afirma o presidente-executivo do Bradesco, Octavio de Lazari Junior, em nota à imprensa. 

A renegociação será realizada em condições especiais e alinhada à capacidade de pagamento de cada interessado. “Temos total interesse no programa e nossa adesão é plena. Consideramos essa parceria dos bancos com o governo federal um meio rápido e eficiente de organizar e dar saúde ao orçamento doméstico”, afirma o presidente-executivo do Bradesco.  

Caixa Econômica Federal

A Caixa também confirmou a participação a partir de segunda (17), com “condições especiais de negociação para os clientes que se enquadram na Faixa 2 do Programa Desenrola Brasil”. Segundo o banco, mais de 13 milhões de clientes têm dívidas que podem ser negociadas. O banco destaca que, inicialmente, atenderá clientes com renda de até R$ 20 mil, que possuam débitos ativos e que tenham sido registrados nos cadastros de inadimplentes até 31 de dezembro de 2022.

“As contratações da renegociação devem ser firmadas até 31 de dezembro de 2023 e o parcelamento é de 12 a 96 vezes. A exclusão dos cadastros restritivos se dará em até 5 dias úteis após a efetivação da renegociação”, explicou a Caixa em nota. Outra opção para os clientes é a quitação à vista, com descontos de até 90% (sem cobrança de IOF). 

Adicionalmente, débitos com valor de até R$ 100 serão removidos dos cadastros externos que restringem o crédito. É importante ressaltar que a dívida não será anulada, porém, o cliente poderá aproveitar as condições oferecidas pelo programa para negociar débitos de menor valor. 

Para participar o cliente pode:

  • acessar o site da Caixa;
  • entrar em contato pelo WhatsApp no número 0800 104 0104;
  • entrar em contato pelo telefone no 4004 0104 (Capitais e regiões metropolitanas) e 0800 104 0104 (Demais regiões);
  • entrar no App Caixa Tem (Opção Desenrola Brasil);
  • ou ainda nos aplicativos Caixa.

C6

Em nota, o C6 afirmou que os bancos têm até o dia 27 de julho para se habilitarem no programa Desenrola e não confirmou sua participação. “O C6 Bank está em processo de cadastramento e divulgará informações adicionais oportunamente.”

 Inter

O Inter também confirmou sua participação no evento, oferecendo descontos de até 90% para renegociações e a opção de parcelar o saldo devedor em até 36 vezes. O banco informou que seguirá as condições do programa, onde dívidas de até R$ 100 serão removidas dos órgãos de crédito, eliminando a negativação do nome dos devedores. No entanto, as dívidas não serão perdoadas. Pessoas físicas com renda mensal igual ou inferior a R$ 20 mil terão a oportunidade de renegociar débitos ativos que foram registrados em cadastros de inadimplentes até 31 de dezembro de 2022.

Itaú

O Itaú também se juntou aos grandes bancos ao confirmar sua participação no programa para as renegociações da Faixa 2, a partir de segunda-feira.  

“O banco irá oferecer descontos atrativos e condições especiais para a renegociação, com redução de taxas de juros de até 60% para dívidas em atraso. Os clientes com restritivo por dívidas de até R$ 100 nos cadastros de inadimplentes e elegíveis ao Programa Desenrola terão esse restritivo baixado ao longo do mês de julho”, disse o banco em nota.

O banco ressaltou que caso o cliente elegível não adira ao Desenrola nos próximos meses, a negativação será novamente incluída nos cadastros de inadimplentes.  Para a adesão ao Programa Desenrola na Faixa 2, o Itaú Unibanco irá disponibilizar canais exclusivos aos clientes de todo o Brasil:

Nestes canais, os clientes terão acesso às ofertas de renegociação e poderão tirar dúvidas sobre o Desenrola, segundo o banco.

Mercado Pago

O Mercado Pago, por sua vez, confirma que vai aderir ao programa Desenrola, mas não deu mais detalhes sobre as condições de negociações.

A empresa diz que a iniciativa do Governo “converge diretamente com a missão da companhia de apoiar as famílias e os empreendedores brasileiros na organização das finanças e na estruturação da vida financeira.” 

PicPay

O PicPay informou que vai participar do Desenrola com taxas a partir de 1,5% e parcelamento de até 60 meses. Segundo a empresa, essas são “condições inéditas” que visam oferecer “oportunidades para os clientes renegociarem suas dívidas”.

Para fazer renegociações, os clientes devem acessar o app do PicPay ou diretamente no site, em parceria com o banco Original.

Santander

O Santander também confirmou sua participação no programa Desenrola Brasil para a Faixa 2, a partir de segunda-feira. O banco mencionou que está aguardando os próximos desdobramentos do programa para anunciar as condições específicas para a Faixa 1.

“Para pessoas físicas teremos ofertas com e sem entrada, taxas flexíveis e descontos de até 90% e parcelamento em até 12 vezes”, diz o banco em nota.

Para fazer a renegociação com o banco, o cliente deve:

Horário de atendimento: segunda a sexta, das 08h às 21h, e sábado das 09h às 16h.

 O banco afirmou que vai flexibilizar também as negociações da área do Santander Financiamentos, focada em dívidas com garantia (como imóveis e veículos). Esse segmento não faz parte do Desenrola, mas o banco está ofertando a possibilidade como adicional. Nesse caso, as ofertas de renegociação dependem do perfil do cliente, mas o banco promete “condições inéditas”. 

 



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES