Monumento da Batalha do Jenipapo se torna Patrimônio Nacional

As homenagens foram finalizadas com uma missa em ação de graças

Avalie a matéria:
|

Em comemoração aos 193 anos da luta que gerou a independência do Piauí e consequentemente do Brasil, o governador e demais autoridades do estado participaram de um culto em ação de graças em memória aos heróis da Batalha do Jenipapo, no município de Campo Maior e em seguida se dirigiram ao cemitério do monumento, onde agraciaram os guerreiros com uma corbélia de flores ao som de trombetas.

Na ocasião Wellington Dias afirmou que  o monumento símbolo da luta e coragem dos piauienses será patrimônio nacional. "Nesse monumento em que homens e mulheres destacados garantiram a independência não apenas do Piauí, mas do Brasil, quero comemorar a arceria que fizemos com o ministro da Defesa Aldo Rebelo, juntamente com o Exército Brasileiro do Piauí e a prefeitura de Campo Maior para que nesse local nós tenhamos as condições de preparar essa área para aquilo que hoje está na legislação brasileira, a comemoração como patrimônio nacional do Brasil".

Ainda em memoria aos heróis do jenipapo houve um desfile cívico militar seguido pela entrega de títulos e medalhas de honra ao mérito dado a pessoas que atingiram o reconhecimento público das suas atividades.

Cordéis com a história da batalha do jenipapo foram distribuídos entre os presentes, que tiveram a oportunidade de conhecer melhor essa história sobre que contribuiu para a independência do país através da peça teatral e musical "A Batalha do Jenipapo", que contou com 64 atores e cantores em cena, incluindo o global Carlos Casagrande.

As homenagens foram finalizadas com uma missa em ação de graças na Igreja Matriz de Santo Antonio no centro da cidade.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES