Rio Parnaíba está em cota de atenção em Teresina, informa CPRM

Na cidade de Floriano, a cota atual do rio Parnaíba é de 6,88m, portanto abaixo da cota de inundação 2,10m.

Avalie a matéria:
Rio Parnaíba | Raíssa Morais

Na manhã desta segunda-feira, 17 de janeiro, a Companhia de Pesquisa de Recursos Minerais (CPRM) divulgou um novo boletim onde informa que em Floriano, a cota atual do rio Parnaíba é de 6,88m, portanto abaixo da cota de inundação 2,10m. É previsto que o nível chegue nas próximas 8 horas em torno de 6,87m. A cota de inundação naquelas cidades é definida em 8,98m, indicando que, no momento, segundo as previsões não há risco imediato de inundação.

Em Teresina e Timon, o nível atual do rio Parnaíba é de 4,99m, em cota de atenção, abaixo da cota de alerta (abaixo 51 cm), sendo previsto uma estabilização do nível nas próximas 8 horas em torno da cota 5,01m.

Rio Parnaíba se encontra em cota de atenção, abaixo da cota de alerta - Foto: Raíssa Morais

Com relação à Luzilândia, a cota atual do rio Parnaíba é de 5,16m, com valor de previsão para as próximas 12 horas de 5,15m, 15 cm acima da cota de alerta (5,00 m).

A cota atual do rio Poti é de 4,63m, devendo nas próximas 10h ficar com valores em torno de 4,18m, e mantendo-se , ainda, em situação de normalidade. Em Barras, o nível do rio Marataoan observado no momento é de 3,41m, superando em 21 cm a cota de atenção (3,20m), sendo prevista a estabilização da cota em torno de 3,40m nas próximas 8 horas. Já o rio Longá em Esperantina, tem cota atual de 4,21m, devendo manter-se nas próximas 8 horas em valores em torno de 4,22m, ainda em situação de normalidade.

Em relação ao rio Parnaíba em Uruçuí, o somatório das vazões das estações vizinhas localizadas no próprio rio Parnaíba na localidade Sítio do Velho, no rio Uruçuí Preto na localidade Fazenda Bandeira e no rio das Balsas na localidade São Félix de Balsas (os três rios que contribuem para o volume de água que ora escoa pelas duas cidades), apontam para volumes em Uruçuí com vazões da ordem de 1.410 m³/s. O valor máximo ocorreu às 10 h da manhã do dia 03/01/2022 com valores próximos a 2120  m³/s.

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES