TCU responsabiliza Janot e Dallagnol por diárias e passagens a procuradores

Se condenado pelo tribunal, pode afetar a intenção de Dallagnol em disputar as eleições deste ano

Avalie a matéria:
TCU responsabiliza Janot e Dallagnol por pagamentos de diárias e passagens | Divulgação

Com decisão unânime na manhã desta terça-feira (12), o Tribunal de Contas da União (TCU) responsabilizou Rodrigo Janot e Deltan Dallagnol pelo pagamento de cerca de R$ 2 milhões em diárias e passagens a procuradores da Operação Lava Jato. As informações são do colunista Lauro Jardim, do  jornal 'O Globo'.

Leia Mais

De acordo com o Ministério Público junto ao TCU, os procuradores da força-tarefa poderiam ter optado por opções de passagens mais econômicas. Janot e Dallagnol recebiam ajuda financeira para trabalhar em Curitiba, como se estivessem numa situação provisória de trabalho. Os mesmos deviam ser transferidos para a capital do Paraná.

Dallagnol, se condenado pelo tribunal, pode ficar inelegível nas eleições desse ano (Foto: Divulgação)Também foi responssabilizado pelo TCU o ex-procurador-chefe do Paraná, João Vicente Romã.

Os ministros da 2ª Câmara do TCU acompanharam parecer do relator do caso, ministro Bruno Dantas. Esse resaltou a irregularidade do pagamento de diárias não se refere à forma de organização interna do Ministério Público Federal, mas à gestão administrativa dos recursos humanos do órgão.

Após a decisão conjunta, Bruno Dantas irá enviar um despacho citando os responsáveis. Eles irão receber uma guia para devolver os valores aos cofres públicos, ou poderão apresentar defesa em 15 dias.

O problema em questão tratá resultados diretos à Deltan Dallagnol, se o mesmo disputar pelas eleições desse ano, no caso do tribunal condenar o ex-procurador.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES