Casal visita 31 lugares de Teresina e celebra matrimônio no Mirante da Estaiada

A ideia do casamento “nas alturas“ foi uma iniciativa da própria noiva.

Avalie a matéria:
Casal celebra matrimônio a quase 100 etros de altura em Teresina. | Reprodução

Em uma cerimônia intimista, com apenas 15 convidados, o casal Maiara Rodrigues e Gabriel Braga selou o matrimônio na última quarta-feira (31), direto do Mirante da Ponte Estaiada João Isidoro França, em Teresina. A 93 metros de altura e com uma ampla visão da capital, o local fica na zona Leste da cidade. 

Casal celebra matrimônio a quase 100 m de altura no Mirante da Ponte Estaiada./Reprodução

Juntos há três anos, Maiara, natural de Teresina, relatou que conheceu Gabriel através de uma viagem que fez junto de sua amiga de faculdade e prima do noivo, a São Bernardo, no Maranhão, onde foram apresentados. A ideia do casamento “nas alturas" foi uma iniciativa da própria noiva.

“Sempre fui apaixonada pela minha cidade, Teresina [..] Tenho muito orgulho da minha terrinha e queria mostrar ao Gabriel, que é natural de São Luís, no Maranhão, o melhor que nossa capital tem a oferecer. [...]Então, aproveitei também o nosso casamento para turistar e mostrar o que a cidade tem de melhor para os familiares e amigos dele e a Ponte Estaiada, para nós, representava o local perfeito para dizer sim”, explicou Maiara.

Casal celebra matrimônio a quase 100 m de altura no Mirante da Ponte Estaiada./Foto: Reprodução

A ocasião inesquecível ainda contou com um diferencial antes do casamento: os noivos visitaram 31 lugares de Teresina, ao longo de 31 dias capturando em fotos a essência da cidade. Durante este período, eles revelaram um local por dia, criando uma contagem regressiva única até o dia especial, quando trocaram os votos no mirante.

Casal celebra matrimônio a quase 100 m de altura no Mirante da Ponte Estaiada./Foto: Reprodução

O casal entrou com processo de autorização, que foi autorizado pela Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo (SEMDEC). Maiara e Gabriel tiveram duas horas para desfrutar da cerimônia.

“Essas ações precisam estar revestidas de segurança, especialmente quando se trata de eventos no mirante. Por isso, nós criamos regras que foram seguidas à risca pelos nubentes, como a obediência aos horários sugeridos, o limite de duas horas de duração e a quantidade máxima de 15 pessoas, dentre outras obrigações”, ressaltou o secretário da SEMDEC, Alessandro Dantas.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES