Conselho Estadual de Turismo do Piauí é reativado pelo governo

Durante a cerimônia de posse dos membros do Conselho Estadual, foi anunciado que eles terão mandatos de dois anos, podendo ser renovados por igual período.

Avalie a matéria:
Conselho Estadual de Turismo do Piauí é reativado | Raissa Morais

O Conselho Estadual de Turismo do Piauí (CET) foi reativado nesta terça-feira (12), com a posse dos membros em uma solenidade no Centro de Convenções de Teresina. 

O QUE ACONTECEU: O CET, uma instituição colegiada de caráter consultivo, vinculado à Secretaria de Estado do Turismo (Setur), tem a finalidade estabelecer diretrizes para a formulação e execução da Política Estadual de Turismo. 

Ele volta a ser implementado para criar um ambiente propício para o desenvolvimento sustentável do turismo no Piauí com mais oportunidades, soluções e demais ações em prol do setor.

MANDATO E ANÚNCIO DE RECURSOS: Durante a cerimônia de posse dos membros do Conselho Estadual, foi anunciado que eles terão mandatos de dois anos, podendo ser renovados por igual período.

Além disso, o Secretário do Turismo e presidente do Conselho, José Neto Monteiro, anunciou que vai lançar um edital de R$ 8 milhões em abril, como parte das ações do Sistema de Incentivo Estadual ao Turismo (Sietur). Este edital vai financiar projetos relacionados ao turismo, como iniciativas de ecoturismo, fotografia, afroturismo, projetos de pesquisa e eventos.

José Neto Monteiro, secretário de Turismo (Foto: Raissa Morais)

José Neto Monteiro disse que o CET desempenha um papel fundamental na definição de estratégias, prioridades e instrumentos de ação para o setor turístico. “O Conselho vai ajudar na elaboração de políticas públicas mais eficazes e alinhadas às necessidades e potencialidades do estado”, falou.

DESCENTRALIZAÇÃO: Para o secretário, com 42 municípios destacados no mapa do turismo do Piauí e 7 pólos turísticos, incluindo Teresina, Serra da Capivara e Costa Delta, há um vasto potencial a ser explorado e aproveitado.

“A política pública de turismo é um aspecto crucial para o desenvolvimento sustentável do setor. Ela visa não apenas beneficiar e qualificar o turismo, mas também descentralizar as instâncias de governança regional, fortalecendo os pólos turísticos em todo o estado”, falou.

Rejanete Campelo, representante da Associação Piauiense de Municípios (APPM), disse que reativação do CET vai ajudar na criação de políticas públicas eficazes para as cidades. “Nosso turismo é maravilhoso, ele precisa expandir, ele precisa crescer mais e é para isso que estamos aqui, para dar essa força para os demais colegas que estão sendo beneficiados com essa ação da Setur”, explicou.

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES