Criminoso é preso em flagrante por estuprar e matar cadela em Miguel Alves

De acordo com o informado ao MeioNews.com pela Polícia Militar de Miguel Alves, foi a proprietária da cadela que denunciou o crime, nesta quarta-feira (03).

Prisão em flagrante do acusado por ter provocado a morte do animal | Reprodução
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

Um criminoso identificado como Antônio Alves de Lima Filho foi preso em flagrante na manhã desta quarta-feira (03) por estuprar e matar uma cadelinha, na localidade Buritirana, situada na cidade de Miguel Alves, distante 117 km de Teresina. Ele foi conduzido à Delegacia de Miguel Alves para realização das providências cabíveis ao caso.

A denúncia: conforme as informações apuradas pelo MeioNews.com junto a Polícia Militar de Miguel Alves, o acionamento dos policiais foi feito pela mulher identificada como Maria Antônia Vieira da Silva, proprietária da cadelinha. Dessa forma, foi deslocada uma equipe para fazer a verificação da denúncia e ao chegar no local, os militares encontraram o cadáver do animal.

Providências: após a constatação do crime, os policiais conduziram diligências que culminaram na localização do acusado. Ele recebeu voz de prisão em flagrante e foi conduzido juntamente com as testemunhas até a Delegacia de Miguel Alves para realização dos procedimentos cabíveis.

Crime: de acordo com o artigo 32 da Lei 9.605/98, praticar maus-tratos contra animais domésticos, silvestres, nativos ou exóticos é crime. A infração pode ser punida com rprisão de dois a cinco anos, multa e proibição da guarda, quando se tratar de cão ou gato. Os casos podem ser denunciados à Polícia Militar por meio do número 190 ou para a Polícia Civil por meio do número 181, assim como pelo site da Polícia Civil. 

Disque denúncia:  a Secretaria Estadual de Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Semarh) disponibilizou um Disque Denúncia para denúncias anônimas de maus-tratos aos animais, que podem ser feitas por ligação ou mensagem de WhatsApp para o número (86) 9 8112-9958.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES