Ex-vereador de Nazaré do Piauí é julgado hoje por assassinar ex-esposa

O ex-vereador Francisco das Chagas Ferreira é julgado por feminicídio, ocultação de cadáver e fraude processual. A vítima Renata Pereira da Costa foi morta com pancadas na cabeça e o corpo foi encontrado somente 3 meses depois, em 2020.

Avalie a matéria:
Foto mostra a vítima Renata Pereira da Costa e o ex-vereador de Nazaré do Piauí, Francisco das Chagas, que é o acusado do crime | Reprodução
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

Mais de três anos após o assassinato de Renata Pereira da Costa, o acusado Francisco das Chagas Pereira, mais conhecido como Chaguinha, sentou no banco dos réus nesta terça-feira (14) julgado pelos crimes de feminicídio, ocultação de cadáver e fraude processual. Ele é o ex-marido da vítima e ex-vereador da cidade de Nazaré do Piauí, distante cerca de 270 km de Teresina. 

JÚRI POPULAR - O julgamento teve início às 8h desta terça-feira (14) no Fórum de Floriano. O réu está sendo submetido a julgamento pelo Tribunal Popular do Júri, sob acusação de matar a ex-esposa com pancadas na cabeça e ocutar o cadáver dela.

O CRIME - Conforme a denúncia do Ministério Público do Piauí, Renata da Costa foi assassinada com golpes de objeto contundente na cabeça, no dia 28 de dezembro de 2020. A última vez que ela foi vista com vida, foi quando ela saiu de casa para fazer compras com o ex-marido, Francisco das Chagas Ferreira. Depois, ela desapareceu e o corpo só foi encontrado somente três meses depois.

OCULTAÇÃO DE CADÁVER - O corpo de Renata foi encontrado em estado avançado de decomposição, no interior de uma casa na localidade Alecrim, situada no KM 28 da rodovida que liga os municípios de Iaueira e Floriano.

MOTIVAÇÃO DO CRIME - Ainda segundo o órgão ministerial, o assassinato da vítima teria sido motivado por ciúmes que o ex-marido sentia e pela inconformidade com a possibilidade da mulher se relacionar com outras pessoas.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES