Governo transforma Piauí Fomento em Badespi e destina R$ 10 mi em microcrédito

A Badespi é a primeira do Brasil com assinatura digital, projetada para facilitar a concessão de crédito aos empreendedores do estado

Governo transforma Piauí Fomento em Badespi e destina R$ 10 mi em microcrédito | Ascom
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

O governador Rafael Fonteles autorizou, nesta terça-feira (2), em solenidade no Palácio de Karnak, a liberação de R$ 10 milhões em crédito para pequenos produtores rurais do Piauí. O microcrédito - de até R$ 21 mil - será concedido por meio da Badespi, o novo nome fantasia da Agência de Fomento e Desenvolvimento do Estado do Piauí, antiga Piauí Fomento.  

1ª DO BRASIL COM ASSINATURA DIGITAL: Além da mudança de nome, a agência de fomento já nasce moderna. A Badespi é a primeira do Brasil com assinatura digital, projetada para facilitar a concessão de crédito aos empreendedores do estado. Esses poderão usar a assinatura digital por meio de uma plataforma própria, o que dará mais comodidade e segurança na hora de realizar as operações.  

O QUE DISSE O GOVERNADOR? Rafael Fonteles destacou que a mudança de nome aproxima mais a Badespi do povo, que vai ampliar mais ainda o crédito, com meta de chegar até R$ 1 bilhão financiado. “O nome Badespi é para aproximar mais da linguagem do povo, para entender que é uma instituição de financiamento - com condições especiais focada no micro e pequeno empreendedor do campo e da cidade”, afirmou o gestor.

AMPLIANDO CRÉDITO: O governador lembrou que mais de 112 municípios já tiveram pelo menos um financiamento celebrado pela antiga Piauí Fomento e que nos últimos anos, a agência tem ampliado o crédito para a população. “Aumentamos de uma oferta de R$ 15 milhões anuais há quatro anos para a meta de R$ 120 milhões este ano, e queremos chegar a R$ 1 bilhão em carteira focada no micro e no pequeno empreendedor. Porque o crédito é uma das molas mestras do desenvolvimento econômico”, frisou Rafael.  A maioria do crédito é para os microempreendedores, com valores de R$ 5 mil a R$ 21 mil, com taxa de juros a partir de 0,99% ao mês. 

FORMATO INOVADOR NO PAÍS: Segundo o diretor-presidente da Badespi, Feliphe Araújo, o formato é algo inovador no país. “Algumas agências têm até a plataforma, mas não a assinatura digital. Com ela, a gente vai ter todo o processo, desde a solicitação do crédito até a conclusão, feito de forma digital, inclusive o cliente vai poder acompanhar da sua casa na palma da mão, por meio dos aplicativos que já estão disponíveis”, afirma o gestor.

QUAL O VALOR MÁXIMO DE EMPRÉSTIMO? O pequeno produtor rural poderá obter até R$ 21 mil de empréstimo, com taxa de juro de 5% ao ano, carência de até 24 meses e prazo de 60 meses para quitar. Alguns empreendedores que obtiveram crédito da Piauí Fomento estiveram presentes na solenidade. "Esse crédito chegou em boa hora. Vou poder produzir mais e vender mais", disse a produtora rural Ivonete Alves, que atua em agricultura e suinocultura na zona rural de Teresina. Ela obteve empréstimo de R$ 15 mil na antiga Piauí Fomento.

Governo transforma Piauí Fomento em Badespi e destina R$ 10 mi em microcrédito - Foto: Ascom

NOVAS LINHAS DE CRÉDITO: Ainda no evento, a Badespi divulgou outras linhas de crédito disponíveis contemplando mulheres, pessoas físicas, MEIs, microempresários, empresários do setor de turismo e startups. Os interessados em obter crédito podem acessar o site www.badespi.com.br, o aplicativo Badespi ou o número de WhastApp (86) 99462-7065. A sede da Badespi fica na Rua Elizeu Martins, 1240, e funciona de 8h às 14h.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES