Piauí registra redução de 23% no número de homicídios dolosos no 1º trimestre

Durante o Workshop “Segurança em Dados” foi destacado a importância dos métodos de coleta de dados

Piauí registra redução de 23% no número de homicídios dolosos no 1º trimestre | Ascom
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

O Secretário de Segurança Pública, Chico Lucas, anunciou, na manhã desta quarta-feira (03), os dados Estaduais de Segurança Pública referente ao primeiro trimestre de 2024. Durante o Workshop “Segurança em Dados” foi destacado a importância dos métodos de coleta de dados, que incluem desde os registros policiais até a análise geoespacial, permitindo uma compreensão dos desafios enfrentados pelas comunidades em termos de segurança pública. 

QUEDA NO NÚMERO DE HOMICÍDIOS DOLOSOS: Conforme os números registrados pela Secretaria de Segurança Pública, por meio do DATASSP, no primeiro trimestre de 2023 o Piauí registrou 189 casos de homicídios dolosos (descontados os feminicídios), no mesmo período deste ano foram contabilizados 146 casos, uma queda de aproximadamente 23%. 

ROUBOS SEGUIDOS DE MORTE CAIU 50%: Em relação ao número de casos de roubos seguidos de morte, o latrocínio, foram registrados quatro casos nos três primeiros meses de 2023, e dois casos em 2024, uma redução de 50%. Ainda conforme o levantamento, no primeiro trimestre de 2023 foram registrados 3.706 casos de roubo de aparelhos celulares no Piauí, no mesmo período deste ano 2082 casos foram contabilizados, uma redução de 44%. 

CASOS DE ROUBOS TAMBÉM CAÍRAM: Nos três primeiros meses de 2023, foram contabilizados 5.348 casos de roubos no Estado do Piauí, já em 2024 foram registrados 3.102 casos, uma queda de 42%. Em 2023, as forças de segurança pública conseguiram recuperar no primeiro trimestre 453 aparelhos celulares, no mesmo período de 2024 foram recuperados 1.081, um aumento de 139%  

INVESTIMENTOS EM TECNOLOGIA: O secretário de Segurança Pública, Chico Lucas, enfatizou que estão sendo realizados investimentos em tecnologia, a fim de garantir maior efetividade das operações policiais, o que também passa pelos dados estatísticos. “Precisamos da tecnologia para obter informações, ou seja, precisamos dos dados, para buscar soluções, saber o que os números nos apresentam, o que os fatos estão evidenciando e que, às vezes, ficam invisíveis aos olhos do ser humano”, explicou Chico Lucas. 

REDUÇÃO DEVIDO UMA COMBINAÇÃO DE FATORES: O Secretário de Segurança Pública ainda destacou que a diminuição do número de homicídios é resultado de uma combinação de fatores. Entre eles, mencionou o aumento do efetivo policial, com reforço nas operações especializadas do Draco, Denarc e DHPP, além do policiamento ostensivo nas ruas. 

“Tais medidas contribuíram para que no mês de março de 2024, obtivesse bons números, ou seja, números históricos, em termos de segurança pública. Precisamos manter esse processo, incluindo a fiscalização de trânsito e poluição sonora, para garantir a tranquilidade da população e evitar que tanto vítimas quanto criminosos interfiram na vida cotidiana dos cidadãos”, finalizou o secretário. 

PROCESSO DE CAPTAÇÃO E ANÁLISE: O gerente de Análise e Estatística Criminal da SSP, delegado João Marcelo Brasileiro, afirmou que os presentes no Workshop receberam informações acerca de todo o processo de captação e análise de dados, a fim de possibilitar uma melhor interpretação dos mesmos. “Primeiro é importante destacar o pioneirismo deste evento, que fortalece o aspecto da transparência dos dados da Secretaria de Segurança Pública, porque permite o diálogo com uma instituição fundamental para informar o cidadão. Vale ressaltar que esse evento é um marco na relação da SSP-PI com os veículos de comunicação piauienses”, pontuou o gerente.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES