Professor do IFPI é preso suspeito de importunação sexual contra adolescente

Através de nota enviada ao Meionorte.com na manhã desta terça-feira (21), o IFPI comunciou que não foi notificado formalmente pelas autoridades competentes

Avalie a matéria:
O caso foi denunciado aos agentes da Força Tática do 8° Batalhão da Polícia Militar do Piauí. | Ascom/PM-PI

Um professor do Instituto Federal do Piauí (IFPI) foi preso na segunda-feira (20), em Teresina, suspeito de importunação sexual contra uma adolescente de 16 anos. O caso ocorreu fora das dependências da instituição e está sendo investigado pela Polícia Civil do Piauí. Leia ao fim da reportagem a nota do IFPI.

O professor, de 38 anos, foi detido pela polícia em um condomínio localizado na zona Sudeste de Teresina, após a adolescente denunciar o crime aos agentes da Força Tática do 8° Batalhão da Polícia Militar do Piauí.

Na manhã desta terça-feira (21), através de nota enviada ao Meionorte.como IFPI comunciou que não foi notificado formalmente pelas autoridades competentes, mas aguardará a conclusão das investigações policiais para que possa tomar "providências cabíveis por se tratar de uma conduta incompatível com o cargo".

Nota do IFPI

O Instituto Federal do Piauí (IFPI) tomou conhecimento, nesta terça-feira (21), de um caso de importunação sexual atribuída a um professor da instituição. De acordo com as notícias divulgadas até agora pela imprensa, o ato foi praticado fora da instituição.

Até o momento, o IFPI não foi notificado formalmente pelas autoridades competentes, mas aguardará a conclusão das investigações policiais para que possa tomar as providências cabíveis por se tratar de uma conduta incompatível com o cargo. 

Reforçamos que o IFPI repudia atos de assédio e importunação e ressalta que estas práticas não condizem com as diretrizes da instituição, que preza pela ética, respeito, segurança e pela integridade física e psicológica de todos os seus alunos, servidores e colaboradores. 

Reafirmamos o nosso compromisso em combater a naturalização das violências e dos abusos de poder dentro e fora das instituições de ensino.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES