Homem incendeia ônibus e deixa feridos no Rio; Criança está em estado grave

O suspeito também se feriu, foi preso e encaminhado para o Hospital Municipal Dr. Moacyr Rodrigues do Carmo, onde está sob custódia.

Avalie a matéria:
Homem incendeia ônibus e deixa feridos no Rio; Criança está em estado grave | Reprodução

Um homem identificado como Cleber da Conceição Sirilo, de 39 anos, ateou fogo em um ônibus na tarde desta quarta-feira (05), em Duque de Caxias, no Rio de Janeiro. Uma mulher e uma criança de 5 anos ficaram feridas.

O suspeito também se feriu, foi preso e encaminhado para o Hospital Municipal Dr. Moacyr Rodrigues do Carmo, onde está sob custódia. A mulher, identificada como Cristiane da Silva Moreira Nascimento, de 47 anos, está em estado grave. A criança, uma menina de 5 anos, está em estado gravíssimo e precisou ser entubada.

De acordo com relato de uma testemunha, Cleber entrou no ônibus com uma sacola preta, um galão de gasolina e uma faca na mão, ficando na parte de trás do veículo, logo em seguida vindo para a frente e jogando um líquido inflamável nos passageiros.

O suspeito ameaçava os passageiros ao mesmo tempo que furava o galão com a faca. Após a ação, o indivíduo ateou fogo no transporte.

Homem incendeia ônibus e deixa feridos no Rio; Criança está em estado grave (Foto: Reprodução/vídeo)Segundo a secretaria Municipal de Saúde de Duque de Caxias, Cristiane deu entrada no Hospital Municipal Dr. Moacyr às 11h20 e segue sendo atendida pela equipe de urgência. O suspeito do incêndio no ônibus foi levado ao hospital pela viatura da Polícia Militar, deu entrada às 11h42, e chegou com queimaduras no rosto e em membros inferiores. O mesmo teve 50% do corpo queimado e está em estado grave.

Segundo a direção do hospital, a criança, que não teve identidade revelada, foi entubada e transferida para o Hospital Municipalizado Adão Pereira Nunes. Ela foi levada ao centro cirúrgico às 13h59.

Mais duas vítimas foram pisoteadas no momento do crime e foram encaminhadas para o Hospital Municipalizado Adão Pereira Nunes. Uma delas, identificada como Fernanda de Moura Almeida, de 43 anos, deu entrada às 12h26, está acordada e sofreu escoriações pelo corpo. A outra, Cleide Pereira Campos, de 56 anos, deu entrada às 12h38, também está lúcida e possui dores abdominais.

As autoridades investigam a motivação da ação criminosa. Após os atendimentos seguido de alta hospitalar, Cleber será ouvido pelo policiais e serão feitos os procedimentos legais cabíveis ao caso.

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES