Médico é morto com tiro na cabeça em tentativa de assalto após ser atraído por criminosos

A polícia suspeita que a vítima tenha caído em uma espécie de 'golpe do amor'

Médico é assassinado em tentativa de assalto após ser atraído por criminosos | Reprodução
FACEBOOK WHATSAPP TWITTER TELEGRAM MESSENGER

Um médico psiquiatra identificado como Heleno Geggi Dumbá, de 35 anos, foi morto a tiros durante uma tentativa de assalto após ser atraído por criminosos no Jardim Elisa Maria, Zona Norte de São Paulo, na noite de sexta-feira (30).

Testemunhas: Moradores relataram à polícia que viram três homens tentando assaltar o médico Heleno, dentro de um carro, por volta das 21h40. Logo em seguida, ouviram os disparos.

Cena do crime: De acordo com o Boletim de Ocorrências, a vítima ocupava o banco do motorista, estando com a perna esquerda para fora do veículo (sugerindo que tentava desembarcar quando foi alvejada). Trajava uma calça colorida e no momento que foi encontrado estava sem camisa , devido ao atendimento dos bombeiros. 

A polícia suspeita que a vítima tenha caído no golpe do amor (Foto: Reprodução)

Circunstâncias: Os criminosos fugiram a pé em direção a uma praça onde ocorria uma festa. Investigadores suspeitam que o psiquiatra tenha sido atraído para o local por meio de um encontro marcado em aplicativos de relacionamento.

Busca e Alerta: A polícia está em busca dos suspeitos e alerta para os 'golpes do amor', onde pessoas são atraídas por identidades falsas em supostos relacionamentos à distância para assaltos ou extorsões. O delegado ressalta a importância de precaução na região. O caso foi registrado como latrocínio - Roubo seguido de morte e segue sendo intestigado.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES