Policial atira na ex e ambos são encontrados mortos após batida contra carreta

Caroline Araújo Hardman, de 40 anos, era professora. Eles haviam se divorciado oficialmente dois dias antes do crime. Polícia investiga o caso.

Avalie a matéria:
Carro em que as vítimas foram encontradas | Foto: Reprodução

Na noite de domingo (26), no bairro Farolândia em Aracaju, uma tragédia ocorreu quando Caroline Araújo Hardman, uma professora de 40 anos, foi alvejada pelo seu ex-marido, Elinaldo Cabral Dantas, um policial civil de 47 anos. Após o ato violento, o agressor saiu com a vítima em sua caminhonete, dirigindo até a BR-101 em Rosário do Catete, onde colidiu com uma carreta. A polícia encontrou ambos sem vida no local do acidente.

CRIME APÓS DIVÓRCIO

Segundo a família da vítima, o divórcio entre Caroline Araújo Hardman e Elinaldo Cabral Dantas foi finalizado na última sexta-feira (24). O ex-casal compartilhava a guarda de uma filha de 13 anos. Segundo relatos familiares, o agressor ligou para a filha, que estava na companhia da avó materna, e elas ouviram o disparo durante a ligação.

Segundo a Secretaria de Segurança Pública, as primeiras informações foram recebidas pelo Centro Integrado de Operações em Segurança Pública (CIOSP) por volta das 19h, indicando que a mulher foi alvejada após uma discussão com o ex-companheiro. A Polícia Militar foi acionada e se dirigiu ao local, porém não conseguiu localizá-los.

COLISÃO ENTRE VEÍCULOS

Após o registro da colisão entre o veículo conduzido pelo policial e a carreta, o Samu, o Corpo de Bombeiros e a Polícia Rodoviária Federal (PRF) foram chamados ao local. Pouco tempo depois, as autoridades confirmaram os óbitos. Conforme a PRF, os ocupantes da carreta saíram ilesos.

O Instituto de Criminalística e o Instituto Médico Legal foram mobilizados para examinar minuciosamente a cena do incidente. As autoridades afirmaram que todas as informações e conclusões dos exames periciais serão compartilhadas com a equipe encarregada da investigação do caso.

VÍTIMA ERA PROFESSORA

Caroline Araújo Hardman, professora do estado e servidora do Departamento Financeiro da Secretaria de Educação, foi lamentavelmente vítima deste trágico evento. A Secretaria de Educação emitiu uma nota de pesar pelo seu falecimento. É ainda mais doloroso considerar que ela celebraria seu aniversário nesta segunda-feira (27).

(Com informações do g1/SE)



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES