Empresa italiana terá incentivo para implantar usina no Piauí

Enel projeta investimentos de mais de R$ 360 milhões no Estado

Avalie a matéria:
|

Está prevista para iniciar em janeiro do ano que vem mais uma obra de energia limpa no Piauí, viabilizada pela Enel Green Power. A informação disposta na quarta-feira, 30 de janeiro, aponta que o Ministério de Minas e Energia (MME) deliberou o enquadramento ao Regime Especial de Incentivos ao Desenvolvimento da Infraestrutura (REDI) do projeto da UFV São Gonçalo 6, com 16 unidades geradoras de 2,8 MW, totalizando 45,6 MW de capacidade instalada no município de São Gonçalo do Gurguéia, no Piauí. 

Diante disso, a iniciativa a cargo da empresa italiana prospecta investimentos de aproximadamente R$ 336,7 milhões, sem contar com a incidência de taxas. De acordo com o cronograma, a conclusão do empreendimento deve ocorrer em janeiro de 2021.

Governo do Piauí

A adesão ao Regime Especial de Incentivos para o Desenvolvimento da Infraestrutura, estabelecida por meio de lei datada de 2007, e regulamentada por decreto federal, suspende a exigência das Contribuições para o PIS/PASEP e para a COFINS, nas aquisições, locações e importações de bens e nos serviços, vinculadas ao projeto de Infraestrutura aprovado, realizadas no período de cinco anos contados da data da habilitação de pessoa jurídica, titular do projeto.

Cabe indicar que no último dia 23 de janeiro, o Grupo Interalli já havia anunciado que iniciará a construção do Complexo Fotovoltaico Marangatu, que será instalado em uma área de 2.100 hectares, no  município piauiense de Brasileira. O empreendimento será formado por 18 usinas fotovoltaicas, de modo que o Complexo Marangatu totalizará 540 megawatts (MW) de potência instalada após a conclusão das obras.

As licenças para o novo Complexo de energia limpa foram emitidas pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente do Piauí (SEMAR) e trazem condicionantes para a emissão da licença de instalação do Complexo Solar. Com a anuência do Governo Estadual, a previsão para início das obras é o segundo semestre de 2019.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES