Exclusivo TERESINA: Fábio supera 40% e empata tecnicamente com Sílvio em todos os cenários

Os dados estão dispostos na nova pesquisa do Instituto DataMax, realizada entre os dias 09 e 11 de maio com 2004 eleitores nas zonas urbana e rural de Teresina.

Avalie a matéria:
Sílvio Mendes e Fábio Novo polarizam a eleição em Teresina e aparecem tecnicamente empatados em todos os cenários da pesquisa DataMax. | Reprodução/Divulgação

Os pré-candidatos Sílvio Mendes (UB) e Fábio Novo (PT) aparecem empatados tecnicamente em todos os cenários na corrida pela Prefeitura de Teresina. Os dados estão dispostos na nova pesquisa do Instituto DataMax, realizada entre os dias 09 e 11 de maio com 2004 eleitores nas zonas urbana e rural de Teresina. O levantamento foi registrado no TRE com o número PI-02154/2024.

Na mensuração, Sílvio Mendes (UB) aparece com 42,12% das intenções de votos, enquanto o deputado estadual Fábio Novo (PT) alcança 40,87%; com isso, a diferença entre eles é de 1,25%, o que configura um empate técnico, haja vista que a margem de erro da pesquisa é de 2,18% para mais ou para menos. Assim, considerando a margem de erro do levantamento, Sílvio fica entre 39,94% e 44,3%, por sua vez, Fábio Novo oscila entre 38,69% e 43,05%. Os dados são do cenário estimulado, ou seja, quando são apresentados os nomes dos pré-candidatos aos entrevistados. 

No recorte, o atual prefeito Dr Pessoa - que buscará a reeleição pelo PRD, foi mencionado por 2,74% e o professor Tonny Kerley (NOVO) anotou 1,10%; não sabe ou não opina ficou em 9,13%, e por fim, os que responderam nulo ou branco somam 4,04%. 

Em um segundo cenário estimulado, incluindo João Vicente Claudino (PSDB) e Lourdes Melo (PCO), os pré-candidatos Sílvio Mendes (UB) e Fábio Novo (PT) continuam empatados tecnicamente, com 40,67% e 39,77%, respectivamente. Neste recorte, o prefeito Dr Pessoa (PRD) soma 2,79%; o ex-senador João Vicente Claudino (PSDB) registra 1,90%; o professor e economista Tonny Kerley (NOVO) vem na sequência, anotando 0,90%. A docente aposentada Lourdes Melo (PCO) - que caminha para sua décima disputa majoritária - aparece com 0,25%. 

Os eleitores que não sabem ou preferiram não opinar chegam a 11,13%; nulo ou branco foram 2,59%. 

Na espontânea, Sílvio e Novo continuam empatados tecnicamente

O cenário polarizado entre os pré-candidatos Sílvio Mendes (UB) e Fábio Novo (PT) se mantém na pesquisa espontânea, ou seja, quando não são citados os nomes dos pleiteantes aos entrevistados. 

O médico e ex-prefeito Sílvio Mendes soma 24,95%, enquanto o deputado estadual e ex-secretário de Cultura, Fábio Novo (PT) tem 23,85%; uma diferença de 1,15 pontos percentuais - o que não supera a margem de erro de 2,18%. 

Na sequência aparece o atual prefeito e pré-candidato à reeleição, Dr Pessoa (PRD), com 1,45%. Já o economista Tonny Kerley (NOVO) foi mencionado por 0,45%, seguido por João Vicente Claudino, com 0,35%. O deputado licenciado, Jeová Alencar teve 0,30% das citações. Também foram lembrados pelos eleitores entrevistados: Ismael Silva, Lourdes Melo, Pastor Isaías, James Guerra, Fábio Abreu e Zé Filho, ambos com 0,05%. 

Cabe destacar que há nomes que não são pré-candidatos à Prefeitura e aparecem na pesquisa, pois na espontânea os entrevistados podem citar o nome de qualquer figura pública

Neste recorte, 46,56% não souberam ou preferiram não opinar; nulo e branco somaram 1,80%

MAIS DE 65% SABEM QUE FÁBIO É APOIADO POR LULA E RAFAEL

Noutro cenário, os eleitores entrevistados foram questionados sobre qual pré-candidato é apoiado pelo presidente Lula e pelo governador Rafael Fonteles, ambos do Partido dos Trabalhadores. 

Ao todo, 65,27% responderam corretamente, indicando que o deputado estadual Fábio Novo é o pleiteante apoiado pelos líderes do Executivo; 25,05% não souberam ou preferiram não opinar. 

Por sua vez, 5,94% responderam que é o pré-candidato do União Brasil, Sílvio Mendes; e 1,70% indicaram que é o atual prefeito Dr Pessoa (PRD)

Ainda foram mencionados João Vicente Claudino (PSDB) com 0,60%; o professor Tonny Kerley (NOVO) com 0,50% e Lourdes Melo (PCO) com 0,35%. 

Vale destacar que Fábio Novo teve sua pré-candidatura homologada pelo Diretório Nacional do PT no início deste mês, contando com o apoio de Lula e Rafael Fonteles

GESTÃO RAFAEL É APROVADA POR MAIS DE 77%

Governando o Piauí há 17 meses, Rafael Fonteles (PT) tem a gestão aprovada por 77,5%; um índice histórico que o torna melhor avaliado do que o presidente Lula no município. 

Somente 16,72% apontaram que desaprovam a gestão do governador. Enquanto 5,79% dos entrevistados em Teresina não souberam ou preferiram não opinar. 

Cabe indicar que o chefe do Executivo tem pautado um foco especial na segurança pública, que sempre foi considerado um grande gargalo na capital. 

LULA SUPERA A MARCA DE 72% DE APROVAÇÃO

Não apenas o governador Rafael Fonteles tem a administração bem avaliada em Teresina, a gestão do atual presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) é aprovada por 72,9% dos entrevistados nas zonas urbana e rural da capital do Piauí. 

O índice dos que desaprovam a gestão federal é de 25,3%, enquanto 1,8% não souberam ou preferiram não opinar. 

Nos primeiros 17 meses do seu terceiro mandato, Lula tem focado na área social, com a reativação e fortalecimento de programas importantes, como o Minha Casa, Minha Vida e o Bolsa Família


Leia Mais


Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES