De onde vem a dormência na perna? Fisioterapeuta dá dicas de como aliviar a sensação

Entenda as causas relacionadas aos nervos e circulação, e conheça exercícios para melhorar a condição

Avalie a matéria:
Imagem ilustrativa de homem com perna formigando | Reprodução/Shutterstock

Perna formigando, tudo fica dormente e bate o desespero! Já passou por isso? Se você ficar por muito tempo com suas pernas cruzadas, apoiadas de forma incorreta ou na mesma posição, a sensação de dormência ou formigamento ocorrerá devido à compressão de algum nervo, ou a dificuldade na circulação sanguínea.

Por isso, trouxemos hoje para você um papo saúde com o fisioterapeuta osteopata Dr. Alexandre Mota, sobre as causas e o que fazer para aliviar esse incômodo repentino muito comum nas pessoas.

O QUE CAUSA A DORMÊNCIA?

Segundo o especialista, a dormência está geralmente relacionada com os nervos ou com a circulação. Há vários desequilíbrios que podem causar essa condição na perna: tensões na coluna, na pelve, na perna e até lesões como artrose, inflamações no nervo ciático ou hérnia de disco.

“Dependendo da causa, algumas posições podem aumentar a compressão no nervo ou no vaso sanguíneo. Um exemplo muito comum é a pessoa ficar sentada com uma carteira no bolso de trás, isso aumenta a compressão e irritação do nervo ciático”, explica.

SINTOMAS ALÉM DO FORMIGAMENTO

A dormência pode vir acompanhada de dor, queimação, formigamento, sensação de choque e até falta de força. O fisioterapeuta explica que ela pode aumentar a intensidade e a duração ou até evoluir para falta de força, que é um sinal de perigo para problemas nos nervos.

EXERCÍCIOS PARA ALIVIAR

Dr. Alexandre também reforça que a pessoas que sofre com a dormência frequente busque um fisioterapeuta osteopata para equilibrar as tensões do corpo e tratar as compressões. Bem como um neurologista e um angiologista devem ser consultados para verificar os nervos e a circulação.

“Mudar de posição com frequência também pode evitar a compressão de nervos, principalmente para quem passa o dia sentado. A movimentação das pernas e intervalos para caminhadas ajudam a melhorar a circulação”, afirma o osteopata.

 Acompanhe abaixo algumas dicas do Dr. Alexandre para aliviar a sensação de forma prática. 

 



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Veja Também
Tópicos
SEÇÕES