Acusado de matar homem a facadas em Teresina tem prisão preventiva decretada

O homem agora está preso preventivamente. Ele é acusado de matar Kailson Carvalho Neiva com mais de 20 facadas dentro do apartamento da vítima, no último sábado (16).

Avalie a matéria:
Cauã Alexandre da Silva Lima à esquerda e Kaylson Carvalho Neiva à direita | Reprodução

Um criminoso identificado como Cauã Alexandre da Silva Lima teve a prisão em flagrante convertida em preventiva, no último domingo (26). Ele é acusado de matar Kailson Carvalho Neiva com mais de 20 facadas dentro do apartamento da vítima, no condomínio Francisco das Chagas, zona sul de Teresina, no último sábado (25).

O magistrado José Olindo Gil Barbosa agiu em conformidade com o parecer do Ministério Público do Piauí. Para embasar a decisão, o juiz argumentou que a gravidade do crime imputado ao acusado justifica a necessidade de mantê-lo preso.

"Diante da gravidade concreta da conduta praticada, justifica-se a manutenção da custódia do autuado, bem assim a necessidade e adequação da sua conversão em prisão preventiva, para aplicação da lei penal, investigação e instrução criminal", ponderou o juiz José Olindo Gil Barbosa.

ACUSADO ALEGOU LEGÍTIMA DEFESA

Cauã Alexandre alegou que matou Kailson Carvalho após ele tentar estuprá-lo. As informações apuradas pela Polícia Civil do Piauí dão conta que eles passaram a noite ingerindo bebidas alcóolicas em um bar e depois continuaram no apartamento da vítima, onde também consumiram drogas. Foi então que a vítima, segundo o acusado, teria tentado o estupro.

Momento em que Cauã Alexandre da Silva Lima foi preso em Teresina | FOTO: Reprodução

VIZINHO TRANCOU ACUSADO ATÉ A PM CHEGAR

Ainda conforme as investigações do Departamento de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), um vizinho da vítima percebeu que havia algo de errado acontecendo e usou o cadeado da própria casa para trancar a grade do apartamento de Kailson Carvalho, trancafiando o acusado lá até a chegada da Polícia Militar.



Participe de nossa comunidade no WhatsApp, clicando nesse link

Entre em nosso canal do Telegram, clique neste link

Baixe nosso app no Android, clique neste link

Baixe nosso app no Iphone, clique neste link


Tópicos
SEÇÕES