Adolescente de 12 anos é morto a pauladas pelo padastro em São Paulo

As marcas das agressões foram identificadas pelos médicos que acionaram a polícia em seguida

Avalie a matéria:
Adolescente de 12 anos é morto a pauladas pelo padastro em SP | Reprodução

Um adolescente de 12 anos, identificado como Luiz Felipe foi morto com golpes de ripa em Monte Mor, interior de São Paulo. Segundo a polícia, o principal suspeito de ter cometido o crime é o padrasto do menino, que não foi identificado. O caso aconteceu no último sábado (27), no entanto as informações só foram confirmadas pela polícia neste domingo (28).

AGRESSÕES - Conforme informações da Secretaria de Segurança do município, o padrasto admitiu ter "dado um corretivo na criança". De acordo com comunicado da secretaria, o padrasto afirmou que a criança foi punida, como correção por um comportamento desrespeitoso, sendo obrigada a fazer agachamentos. No entanto, devido ao comportamento "irônico e debochado" durante a punição, ele teria sido agredido com a ripa de madeira, recebendo golpes na perna.

SOCORRO - Ao chegar em casa, a mãe encontrou seu filho, Luis Felipe, machucado após as agressões e o levou ao Hospital Beneficente Sagrado Coração de Jesus, onde infelizmente chegou já sem vida. O médico que o atendeu relatou que o menino apresentava falta de ar e fraqueza, os procedimentos de socorro foram iniciados, no entanto, o menino não resistiu e morreu em seguida. 

PRISÃO - Assim que os médicos identificaram as marcas de agressão, acionaram a Guarda Civil Municipal, denunciando o padrasto, que foi preso em flagrante. O corpo da criança foi encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) de Americana para realização do exame necroscópico, conforme informou a prefeitura de Monte Mor.

PROCEDIMENTOS - O homem foi conduzido à delegacia para registro da ocorrência e, posteriormente, passou por audiência de custódia, na qual teve sua prisão mantida. Ele foi encaminhado à cadeia de Sumaré (SP).

Veja Também
Tópicos
SEÇÕES